quinta-feira, 29 de setembro de 2016

36 músicas para 36 anos: #6

Antes que Mamis e Papis protestem eles vão entrar na playlist!!! \o/

A questão foi escolher uma música para meus genitores. Muitas possibilidades...

A primeira foi Earth, Wind and Fire que é uma das únicas coisas que me lembro que tocava lá em casa quando eles eram casados (mil anos A.C....). O pai foi "DJ" no aniversário de 15 anos da mãe, na época em que para ser DJ bastava ser o dono da vitrola kkkkkk

Resultado: vários discos lá de casa tinham a assinatura HELUS (nome malandramente do meu papis, que se chama Hércio Luís ;)

Casa cheia de música sempre! Muito bom!!!!

Já ia tascar um September quando me lembrei de uma coisa mais marcante: Mamis lavando roupa no tanque ao som de Alcione!

Desconfio que ela descontava as amarguras do coração nas pobres roupas kkkkkk

Dava pra notar quando ela tava na bad só pelo volume da Marrom e pelo desabafo no refrão: MEU VÍCIO É VOCÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊ, MEU CIGARROOOOOOOO É VOCÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊ.... se o "eu te bebo, eu te fumo" viesse acompanhado de um olhinho fechado pode saber que tinha sofrência na área.

Desconfio que "Eu te bebo, eu te fumo" é o melhor refrão de todos os tempos!!!!

QUEM NUNCA NÉ NAUM?????

Se for pra sofrer que seja com o vozeirão da Alcione!

Mas a campeã de todas é Minha Estranha Loucura!

QUE LETRA SOFRIDA GENTEMMMMM

E escolhi um vídeo dela no Chacrinha toda trabalhada no brilho pra dar glamour pra esse sofrimento todo!

Tá na bad? Clica aí, aumenta bem o som e sofre amigx!

Minha estranha loucura é correr pros teus braços quando acaba uma briga.
Te dar sempre razão e assumir o papel de culpada bandida

Ver você me humilhar e eu num canto qualquer, dependente total do seu jeito de ser
Minha estranha loucura é tentar descobrir que o melhor é você!



Gente, ela é demais!!!

Bjs molhados de lágrimas e até amanhã!

quarta-feira, 28 de setembro de 2016

36 músicas para 36 anos: #5

A escolhida de hoje é só pra gente poder balançar a bunda loucamente!

Sim Amigxs, devemos sacudir a bunda loucamente de vez em quando para desestressar!!!!

E com ela, a Diva Suprema Dona do Planeta Terra: Beyoncé!!!

Vamos nos preparando para o final de semana!!!!



Mission one
I'ma put this on
When he see me in the dress I'ma get me some (hey)
Mission two
Gotta make that call
Tell him get the bottles poppin' 
When they play my song (hey)
Mission three
Got my three best friends
Like we do it all the time we gonna do it again (hey)

💃💃💃💃💃💃💃💃💃




Bjs e aquela sarrada no ar pra vcs!

terça-feira, 27 de setembro de 2016

36 músicas para 36 anos: #4

Hoje a música é dedicada a minha Ermã.

A Desirée é uma das pessoas mais chatas que conheço, e olha que conheço gente pra caramba!!

Mas tenho que explicar: a chatice dela é resultado de uma personalidade fora do comum. Ela é de uma firmeza de posições que te racha no meio. Ela nunca vai deixar de te dizer o que ela pensa, de expor um ponto de vista geralmente muito centrado. Ela vai te dizer, tu queira ouvir ou não. Esteja ela certa ou não (segundo ela esse "ou não" não existe). E isso para muitos é incômodo. Até pra mim, depois de todos esses anos, é. Ninguém gosta de "ouvir verdades" o tempo todo.

Mas aí entra o diferencial da minha maninha: ela é doce, companheira e cuidadosa. Ela não vai deixar de te dizer coisas doloridas, mas ela vai estar lá para assoprar a ferida.

E ela é assim desde sempre, talvez eu tenha me acostumado é verdade. O interessante é que a gente não só se acostuma como passa a pensar que todo mundo podia ser um pouco "Desirée" de vez em quando, isso evitaria muitos mal entendidos por aí.

Mas toda essa "maturidade" teve um contraponto: EU! kkkkkkkk

O que essa guria sofreu na adolescência tendo que controlar a porra loka aqui não tá no gibi! kkkkkkk

#semlimites

Na vida adulta ela é também a minha comadre e grande paixão do Teodoro. Tem como amar mais?

Daí entra na playlist uma música para ela: Don't wait - Mapei


If it wasn't for you

I'd be alone
If it wasn't for you
I'd be on my own




Desirée te amo demais!!!!!

Bjs, abraços e carinhos sem ter fim para todxs!!!! ;)


segunda-feira, 26 de setembro de 2016

36 músicas para 36 anos: #3

Hoje quero falar de um momento mágico na minha vida: ser mãe.

Já está meio piegas dizer que um filho muda a gente e blábláblá, mas não é por que é batido que deixa de ser verdade!!

Não acho que todas as mulheres devam ser mães, ou que nascem pra ser mães, acredito que ser mãe é um ato de amor que deve ser consciente. Eu escolhi ser mãe e estou realizada com a minha escolha.

Desde o momento em que descobri que estava gerando uma outra vida dentro de mim minha perspectiva de vida mudou, e em todos os aspectos que tu possa imaginar: desde a percepção do meu corpo como algo lindo e perfeito até as escolhas profissionais.

Quando ele chegou as coisas pareceram fazer sentido, eu olhei aquele serzinho e tive a certeza de que eu podia fazer tudo! Foi empoderamento em forma de gestação!!!

Hoje perto de completar 7 anos de maternagem eu sei o que é um amor incondicional. Meu Teodoro é o meu amor para além dessa vida, por ele tudo é possível. Resisto, existo e insisto só pra ver aquela carinha marota me dizendo "Né Mamãe?!" e pegando nas minhas orelhas.

Ele é uma parte fundamental da minha existência!

Na playlist então temos Unconditionally - da Katy Perry! (legendado para facilitar ;)

Unconditional, unconditionally
I will love you unconditionally
And there is no fear now
Let go and just be free
‘Cause I will love you unconditionally




E tem fotinhos também, por que sou uma mãe babona exibicionista!!!

video


Bj duplo pra vcs



domingo, 25 de setembro de 2016

36 músicas para 36 anos: #2

A lista é variada. Já avisei ontem né?

Hoje vamos de Karol Conká - Sandália.

Porque se é pra derrubar a Babilônia, então que caia!!


Deixa ela, deixa!
Ser livre, seguir sem se importar
Se quiser ir pra qualquer lugar que vá
Não tem asas mas pode voar
Ela só quer viver, ela só quer viver!
Andar de sandália pela Jamaica



Sente o flow!!!

Sandália (Part. Rincón Sapiência)



Lá vai ela toda, toda só tirando onda
Saiu pelas ruas sabendo onde vai chegar
Sagacidade monstra a mente já tá pronta
Virou a esquina correu pra se libertar
Hoje ela não vai voltar, nem a espere pra jantar
Foi absorver toda adrenalina que tá no ar
Deixa ela vai! Cada um sabe o que faz
E da janela a mãe dela acende vela e pede proteção ao Pai

Deixa ela, deixa!
Ser livre, seguir sem se importar
Se quiser ir pra qualquer lugar que vá
Não tem asas mas pode voar
Ela só quer viver, ela só quer viver!
Anda de sandália pela Jamaica

Ela sabe o que quer, vai até onde puder
Brinca de bem-me-quer, no bolso nenhum qualquer
Se precisar vai a pé se Deus quiser
Desfrutar o que vier, se sentir mulher
De sandálias bem louca ela pisou
"Catch a Fire" na roda neguin se encantou
Força no atabaque ginga no agogô
Se esse caminho tá certo então eu também vou!

Se é pra derrubar babilônia então que caia
Grave que vem do gueto faz o beco sussurrar
A vida é uma dureza é maior loucura é mó falha
Tá cheio de limitados querendo te limitar
Se é pra derrubar babilônia então que caia
Grave que vem do gueto faz o beco sussurrar
A vida é uma dureza é maior loucura é mó falha
Ela segue sem deixar que limitados tentem limitar

Deixa ela, deixa!
Ser livre, seguir sem se importar
Se quiser ir pra qualquer lugar que vá
Não tem asas mas pode voar
Ela só quer viver, ela só quer viver!
Anda de sandália pela Jamaica

(Rincon sapiência)
Ela vai pra rua se envolver, pronta para fazer um rolê
Pretendentes vão pra fila e torce pra ela te escolher
Sem toque de recolher, ela sai pra se ouriçar
Tem o santo forte e a proteção dos orixás
Vento, o mar traz o som, tudo de bom, praia, sol
Seu vestido leve fino igual tecido de lençol
Nunca quis pilotar fogão, lampião, ela arrasa
Vem lotando o coração, voa sem tem asa!

Deixa ela, deixa!
Ser livre, seguir sem se importar
Se quiser ir pra qualquer lugar que vá
Não tem asas mas pode voar
Ela só quer viver, ela só quer viver!
Anda de sandália pela Jamaica

Se é pra derrubar babilônia então que caia

Correu pra se libertar!



sábado, 24 de setembro de 2016

36 músicas para comemorar 36 anos! #1

Sim Amig@s! A saga das playlists segue firme.

No ano passado meu aniversário teve uma comemoração discreta, eu nem em casa estava (participando de um evento acadêmico!), recebi o carinho dos mais chegados e chegadas e uma semana depois tomei o maior toco de vida até agora (bye, bye casamento!).

Então decidi que esse ano faria festa de arromba, findi de loucuragem, fotos, músicas, tudo em AUTO-HOMENAGEM!

Isso mesmo!

Eu mesmo vou me homenagear pelo meu aniversário! Vai ter textão, vai ter selfie, vai ter festinha!



Uma das coisas que mais gosto nessa vida é música, e publiquei aqui playlist de fossa e playlist de volta por cima, então vamos dar início a uma nova playlist: 36 MÚSICAS PARA COMEMORAR 36 ANOS!!!

Essa playlist também inaugura a contagem regressiva para meu aniver: 28 de outubro!


Não vou deixar ninguém esquecer!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

O esquema é o seguinte: diariamente vou publicar aqui (e replicar no facebook por que não quero ninguém de fora) uma música em minha homenagem, tem desde de músicas "parece-que-foi-eu-que-escrevi" até "curto-pra-caralho". Em algumas farei um comentário mais longo e em outras a própria letra diz tudo.

Vamos a música #1: Calma Preta, Tássia Reis.






Eu tô aprendendo a me dar com a paciência
Sendo submetida a um teste de sobrevivência
Tô vendo no lodo uma essência
Nessa selva bruta, feia, bela e sem coerência
Me traz a beleza de uma transparência
Enquanto essa feiura me remete a uma inconsistência
Essa mistura traduz, minha existência reluz
A tudo que me propus entender em vão...


Isso é só o início galera, aprendi a ter um pouco de calma (1%.....) e tamo na luta!!!

Bjs de batom vermelho pra vcs!!!

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

E aí? Como tu tá?

Amig@s!

O primeiro post de 2016 é dedicado as amigas e amigos que depois do meu atropelamento emocional se preocuparam comigo e seguem mandando mensagens e convidando pra beber,este post é uma resposta pra pergunta que mais ouvi nos últimos temos: E aí? Como tu tá?

Então, respondo: Eu estou bem.

E é de verdade.

Uma das melhores coisas que fiz foi me permitir sofrer. Me rasgar. Chorar até inchar a cara. Fazer isso publicamente, veias abertas. Recebi tanto amor em troca!

Depois veio as férias.

Descanso e overdose de amor com a família.

E fiquei bem. Assustadoramente bem. Deliciosamente bem. Em paz.

Fiz as pazes com a minha história. Descobri que não tenho arrependimentos de verdade, que tive o coração partido, mas não destruído. Tenho tanto amor que posso inundar um oceano. Não importa o que a outra parte diga. Eu estou bem com o que vivi.

Tenho meu filho. Tenho minha mãe. Tenho minha irmã. Tenho a Galera da Laje. Todos juntaram meus cacos, e de diferentes formas me mostraram que só erra quem não ama.

Daí o passo seguinte foi curtir! Rir com @s amig@s, beber umas cervejas e fazer nov@s amig@s.

Alguns de vocês podem estar pensando "Isso aê! Curtindo a liberdade!".
Daí vou ter que discordar. Não estou curtindo liberdade nenhuma. Eu sempre fui livre. Eu amei livremente, me entreguei livremente, vivi intensamente com liberdade.

Eu sou um turbilhão. Ter consciência disso me fez entender um monte de coisas. Não consigo ser pouco, fazer pouco, fazer metade. Pra uns isso é um problema, pra outros uma virtude. Pra outros deixou de ser virtude para ser incômodo.

O que faço com isso? Vivo! Vivo com o que sou.
Intensidade, talvez seja a minha palavra.

Daí o mimimi começa: pra quê sofrer em público? Por que isso??

POR QUE EU QUERO!
NADEI NAS LÁGRIMAS DO MIMIMI
KKKKKKKKKKKKKKKKKKK


E daí me veio a ideia nada original: e porque não comemorar essa pacificação com uma playlist???

Tendo superado a fossa, vamos fazer agora uma nova playlist: a Playlist do Reencontro! Mais curta, direto ao ponto, mas verdadeira.

Começamos com a aceitação, e a primeira balada chama-se Depois da Marisa Monte.


♬♮♫♩♫
Nós dois
Já tivemos momentos
Mas passou nosso tempo
Não podemos negar
Foi bom
Nós fizemos história
Pra ficar na memória
E nos acompanhar
Quero que você viva sem mim
Eu vou conseguir também♪♫♩♫

Letra aqui.

O passo seguinte é a auto-reconciliação, daí entra na trilha Walmir Borges, com "Eu amei" (baita som!!!!)

Clica e ouve: aqui

♪♫♩
E é bom lembrar
Que eu amei
Eu amei
Teu jeito
Teu corpo
Seus defeitos e gostos
Eu amei
Eu amei
De todas as formas
Te vendo ir embora
Eu amei
Eu amei
Você
 ♪♫♩♫♭♪

Sim amig@s, eu amei!
E escancarei o amor e o desamor!
E a tal intensidade....

Mas, feridas curadas, a sensação é de que aprendi! Sem arrependimentos, sem traumas, vivi, amei e sigo!

Daí toca um pagode romântico, pra selar de vez esse pacto comigo mesmo e sambar na cara dos problemas!!!! (com o Thiaguinho que é lindo, pra ajudar mais ainda ;)

E a música se chama "Outra dia, outra história"


♪♯♬♮
Tô com o coração na mão
Transbordando de emoção
Vou tocar minha vida
Eu vou ser feliz!

Já não fujo do futuro
Aprendi demais com a vida
Vejo luz onde era escuro
Encontrei minha saída♪♬♮♫


Não é outra história, é a mesma história. Um novo capítulo. Mais intensa, sozinha sem ser solitária e em paz!

Então vamos encerrar essa playlist com mais animação: Grupo Bom Gosto - Curtindo a vida!

♪♫♩♫♭
Quer saber tudo tem um por que
Tô legal, quero mais é viver
Antes só, do que ser infeliz
Sei que vou encontrar diretriz
Pro meu coração...

Enquanto eu não encontro eu vou curtindo a vida
Enquanto eu não encontro eu vou tirando onda
Enquanto eu não encontro eu vou beijando em boca
Enquanto eu não encontro eu vou badalando
Enquanto eu não encontro eu vou pagodeando
Enquanto eu não encontro eu sou da boemia (da lua)♭♪♯♬♮♬♪♫


Vamos lá Amig@s, decorem esse refrão que essa é a vibe!!! #sambandonacaradatristeza #divandonopagode

♪♫♩♫Enquanto eu não encontro eu vou curtindo a vida
Enquanto eu não encontro eu vou tirando onda
Enquanto eu não encontro eu vou beijando em boca
Enquanto eu não encontro eu vou badalando
Enquanto eu não encontro eu vou pagodeando
Enquanto eu não encontro eu sou da boemia (da lua)♪♫


Amig@s, obrigada por perguntar. Obrigada pelos abraços. Obrigada pelas mensagens.

Eu estou bem. De verdade.

MAS POR FAVOR continuem me chamando pra tomar umas biras, lembrem-se de que tô na pista! kkkkkk

Enquanto eu não encontro eu vou badalando....
Enquanto eu não encontro eu vou pagodeando...
♪♫♩♫♭♪♯♬♮♫♩♫♭♪♯♬♮♬♪♫

Já achei que....